segunda-feira, 26 de março de 2012

Estudantes têm direito a carteira de estudante gratuita em Natal

Os estudantes de Natal agora podem solicitar a Identidade Estudantil Eletrônica – IEE 2012 sem qualquer custo. Isso garante desconto de 50% nas passagens de ônibus, além dos benefícios da meia-entrada nos cinemas, teatros, eventos esportivos, culturais e de lazer. Só é preciso que eles sejam estudantes matriculados em estabelecimentos de ensino da capital, e estejam devidamente cadastrados no site www.ieegratuita.com.br, cadastro esse que deve ser realizado pela própria instituição.

As escolas, públicas e privadas, devem dirigir-se ao Setor de Estudantes da Semob, no bairro da Ribeira, para receber suas senhas de acesso ao sistema de cadastramento online. Após isso, os dados dos alunos devem ser atualizados, bem como as devidas inclusões e exclusões devem ser rapidamente efetuadas, uma vez que somente o cadastro 2012 valerá a partir de abril de 2012. É importante lembrar também que as carteiras de estudantes 2011, serão válidas exclusivamente até o próximo sábado, dia 31/03/2012.

Após estar cadastrado e ativo como aluno 2012, o estudante deverá comparecer ao Espaço Estudante do NatalCard, na Av. Silva Jardim, entre a Semob e o Seturn, para receber na hora o seu cartão de estudante personalizado, tendo direito a recarregá-lo com até 120 passes estudantis. As passagens eletrônicas serão vendidas com desconto de 50% aos alunos que possuírem a Identidade Estudantil Eletrônica – IEE, sem qualquer custo para a 1ª via, tanto do cartão como da IEE 2012.

Para os alunos que já possuem o cartão de passagens eletrônicas, o NatalCard Estudante, e foram atualizados no sistema da Semob, os 11 postos de vendas do NatalCard estão disponibilizando gratuitamente a IEE 2012.

Os estudantes/usuários da IEE 2012 terão os benefícios concedidos em todo território nacional, com a autenticação da União Nacional dos Estudantes - UNE para as escolas de 3º grau (universitário) e União Brasileira de Estudantes Secundaristas – Ubes, para as escolas de 1º e 2º grau.

Fonte: Diário de Natal

Nenhum comentário:

Postar um comentário