sexta-feira, 12 de abril de 2013

Estudantes terão até 30 de abril para tirar Carteira de Estudante em Natal

A Prefeitura de Natal prorrogou a validade das Carteiras de Estudante 2012, e os usuários terão até o próximo dia 30 de abril para utilizá-las, enquanto não recebem a nova via. A decisão foi publicada no Diário Oficial do Município no último dia 27 de março, após um levantamento feito pela Secretaria de Mobilidade Urbana (SEMOB) apontar que mais da metade das instituições de ensino de Natal ainda não enviaram a relação dos alunos matriculados no ano letivo de 2013 para atualização de cadastro.

De acordo com o secretário adjunto de Mobilidade Urbana, Clodoaldo Trindade, é necessário que todas as instituições enviem os dados para possibilitar a liberação do documento sem maiores transtornos. “Precisamos atualizar o cadastro de todos os alunos matriculados para que possamos liberar as carteiras. É necessário termos o controle de estudantes efetivamente matriculados para sabermos se há irregularidades e evitarmos possíveis fraudes, garantindo o cumprimento desse direito aos estudantes”, disse Clodoaldo.

Para agilizar o processo de solicitação e emissão das Carteiras de Estudante 2013, a Semob lançou o Portal do Estudante, através do qual os beneficiários poderão solicitar pela internet a 1ª via da Carteira, sem custo adicional. No endereço www.portaldoestudantenatal.com.br, os alunos que já tiverem seus dados enviados pela instituição de ensino em que estão matriculados, poderão preencher a ficha de solicitação, enviar a foto que desejam que conste no documento e também agendar a data de recebimento.

Segundo o secretário adjunto da Semob, Clodoaldo Cabral, o Portal do Estudante irá otimizar o serviço e será uma ferramenta de auxílio tanto às instituições de ensino, quanto aos estudantes. “Criamos o Portal para melhor atender a grande demanda de alunos que lotam nossos postos para solicitar a carteira de estudante. Muitos deles saem de suas casas para fazer a carteira e não conseguem, pois seus dados ainda não estão atualizados. O Portal irá evitar esse transtorno, pois o aluno poderá fazer sua solicitação em casa, basta se certificar que a escola já enviou seu cadastro e localizá-lo no site”, explicou Clodoaldo.

Além do atraso na entrega da relação dos alunos matriculados, outro motivo que levou à prorrogação do prazo, é a fiscalização que a Semob está realizando para acabar com as irregularidades cometidas dentro de algumas instituições que cobram pela emissão da carteira, como explica Clodoaldo Cabral.

“Verificamos que os Grêmios Estudantis de algumas escolas estão cobrando o valor de R$ 15,00 para providenciar a emissão das Carteiras de Estudante e isso é irregular. Prorrogamos o prazo e estamos divulgando o Portal do Estudante nas escolas, para que os alunos tomem conhecimento de que o benefício da Carteira de Estudante é um direito e não pode ser cobrado dessa forma”, disse o adjunto da SEMOB.

Entidade denuncia que cartão do Seturn só garante meia entrada nos ônibus: Após o adjunto da Secretaria de Mobilidade Urbana (Semob), Clodoaldo Cabral, ter afirmado em entrevista ao Jornal de Hoje que algumas entidades estudantis estão cobrando irregularmente o valor de R$ 15 reais para emissão da Carteira de Estudante, a União Norteriograndense dos Estudantes (URNE) se manifestou contrária às afirmações feitas.

De acordo com o presidente da URNE, Felipe Azevedo, a afirmação trata-se de uma tentativa de influenciar os alunos a emitirem exclusivamente as carteiras do Sindicato das Empresas de Transportes Urbanos de Passageiros do Município do Natal (Seturn) “O secretário Clodoaldo Trindade se equivocou ao afirmar que é irregular a cobrança de R$15 pelas Carteiras. Acontece que as carteiras emitidas por essas entidades, inclusive pela URNE, oferecem os benefícios a que o estudante tem direito, ao contrário da disponibilizada pela Seturn, que só disponibiliza o benefício 50% nas passagens de ônibus. O valor de R$ 15 reais é cobrado justamente, pois a carteira garante além da meias passagem, a meia-entrada em cinema, teatros, show e até desconto em alguns cursos, além de ser válida em outros Estados”, disse.

Em relação à prorrogação da validade das Carteiras de Estudante, a União Norteriograndense dos Estudantes (URNE) acredita ser uma fraude, e segundo o presidente da entidade, muitos estudantes estão sendo enganados.

“De cada 10 estudantes que vêm à URNE, 4 estão com problemas com a Carteira de Estudante, mesmo com o prazo de validade estendido. Muitas estão bloqueadas sem motivo aparente, e mesmo as que não estão, não são aceitas para a compra de passagens e alternativos ou garantia de outros  direitos. A validade das carteiras, por Lei é até o mês de março, e não há necessidade de prorrogar, como todos esses problemas, e os bloqueios, muitos estudantes estão pagando as passagens inteiras em dinheiro, e com certeza, alguém está lucrando com essa mentira”, afirmou Felipe Azevedo.

O presidente da URNE também pediu mais transparência da Semob em sua relação com o Seturn. “Nós percebemos que a Semob está dando seqüência a um erro antigo, em relação à essa parceria com o Seturn, e gostaríamos muito que a Secretaria apresentasse com clareza o contrato desse convênio com o Seturn, que não defende os interesses dos usuários”, disse Felipe Azevedo.

Com informações: Jornal de Hoje

Nenhum comentário:

Postar um comentário