terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Mesmo após confusão, Conselho aprova tarifa de R$ 3 para ônibus em Campina Grande

O Conselho Municipal de Transportes Públicos (COMUTP) aprovou o valor de R$ 3 para a nova tarifa do transporte coletivo de Campina Grande, nessa sexta-feira (20). A reunião foi marcada por protestos de estudantes, que invadiram a sede da Superintendência de Trânsito e Transportes de Campina Grande (STTP) contra o reajuste.


Por decisão judicial, a definição do reajuste pelo Conselho passa a ser aplicada automaticamente, entrando em vigor já nesta segunda (22), sem a interferência do prefeito Romero Rodrigues (PSDB), que está impedido por uma liminar de fazer quaisquer alterações sobre a decisão do COMUTP.

Os membros do Conselho analisaram as planilhas de custos apresentadas pelo Sindicato das Empresas de Passageiros (SITRANS), que reivindicava um reajuste de R$ 2,75 para R$ 3,10. Essa proposta foi rejeitada pela maioria dos membros presentes. Ainda durante as negociações, a STTP exigiu do SITRANS uma contrapartida social de 40 novos abrigos e uma renovação de 10% da frota por ônibus zero quilometro.

Confusão

O início da reunião foi marcado por um tumulto na sede da STTP, provocada por uma invasão de estudantes que não aceitavam a discussão sobre o reajuste e que também não reconheciam como legítima a presença do atual representante do Diretório Central dos Estudantes (DCE).

Após as várias tentativas do superintendente da STTP e presidente do Conselho, Félix Neto, em formar uma comissão de estudantes para discutir a pauta (e todas sendo negadas), os demais membros resolveram suspender a reunião até que o tumulto estivesse apaziguado. A reunião foi retomada momentos seguintes, sem a presença dos manifestantes, mas com a continuidade dos trabalhos da pauta extraordinária.

Fonte: Portal Correio

Nenhum comentário:

Postar um comentário