quarta-feira, 22 de março de 2017

Justiça aprova a compra da Busscar por sócios da Caio

O juiz da 5ª Vara Cível de Joinville, Valter Santin Júnior, aprovou em sentença final desta terça-feira, 21 de março, a compra da Busscar, encarroçadora de ônibus que teve a primeira falência decretada em 2012, por sócios da Caio Induscar, encarroçadora de Botucatu, em São Paulo, quem tem o Grupo Ruas, de empresas de ônibus, como principal acionista.

Para o negócio serão depositados, R$ 9,4 milhões à vista e outros R$ 57,74 milhões serão pagos em 52 parcelas com correção monetária, num total de R$ 67, 1 milhões

Nesta quarta-feira dia, 22, sócios da empresa paulista devem ir à Joinville assinar os procedimentos finais de arrematação.

Formalmente, ainda existe a possibilidade de recursos para contra a compra, mas não há, na prática, estimativa de contestações.

O grupo da Caio pretende contratar trabalhadores ainda neste ano, mas a quantidade de funcionários e quando isso começará, ainda vai depender dos planos para reestruturação das plantas que eram da Busscar.

O objetivo da Caio é entrar no segmento de ônibus rodoviários, hoje liderado pela Marcopolo. A Caio lidera o segmento de ônibus urbanos.

Nenhum comentário:

Postar um comentário