domingo, 16 de abril de 2017

Especial UNIBUS RN: Os desfalques das empresas de ônibus urbanos de Natal em 2017


O ano de 2017 não começou bem para as empresas de ônibus urbanos de Natal. Em entrevista concedida ao jornal Tribuna do Norte, o consultor do SETURN (Sindicato das Empresas de Ônibus de Natal), Nilson Queiroga, afirmou que houve diminuição no número de passageiros em 2016 com respectiva queda na receita. Alertou também para os desfalques nas frotas que as empresas vêm enfrentando nos últimos meses.

De fato, 6 ônibus tiveram perda total provocado por incêndios criminosos:

Guanabara 
1248 e 1260

Santa Maria
02083 e 02169

Reunidas
0844 e 08101

Guanabara 1248: um dos incendiados este ano
Porém, nenhuma entre as empresas de ônibus natalense teve tantas baixas na frota operante como a Reunidas. Além dos citados veículos incendiados dentro da própria garagem pela ação ousada de criminosos, no mês de março ainda ocorreram outras situações que obrigaram a desfalcar ainda mais a sua frota normal de operação.

Por ocasião de obras viárias no cruzamento da avenida Rio Doce com a avenida Itapetinga, no conjunto Santarém, os veículos articulados 0840 e 0880 não puderam voltar à operação normal na linha 73 (Santarém/Ponta Negra) – principal linha da empresa e uma das principais linhas da capital potiguar – obrigando a empresa a colocar ônibus reservas para completar a frota desta linha.

Articulados da Reunidas ainda não saíram às ruas em 2017

Em decorrência das chuvas que caíram em Natal, uma cratera surgiu na avenida João Medeiros Filho, no bairro de Igapó, no exato momento que trafegava o veículo 0881 da linha 26 (Soledade I/Ponta Negra) que foi danificado, permaneceu inoperante e necessitou ser substituído por outro ônibus reserva até o devido reparo. E ainda neste mesmo período, a empresa coincidentemente estava desativando outros 3 veículos, sendo 2 trucados ano 2004, carros 0855 e 08116, e o carro 0854 para serem substituídos por veículos mais novos. Diante de tantos imprevistos, o total de veículos desfalcados (ainda que momentaneamente) da operação efetiva, somente no mês de março, atingiu a marca de 8 veículos na Reunidas.

Fotos: Divulgação

Além das empresas Guanabara, Santa Maria e Reunidas, outra apresentou um desfalque em sua frota operante: a Cidade do Natal. Neste ano, a empresa recebeu de sua co-irmã, a Cidade das Dunas, a transferência do veículo 2008123, que recebeu o prefixo 6 123. Como neste ano a Cidade do Natal desativou os veículos 6 011 e 6 129, o desfalque na sua frota operante até o presente momento chega a 1 veículo.

Cidade do Natal: empresa perdeu 1 veículo
Conforme levantamento constatado nas ruas e nos aplicativos disponibilizados pelas empresas, o número efetivo de ônibus que desfalcam as garagens das empresas em 2017 até a data de hoje, 15 de abril, chega a 11 veículos, sendo 6 incendiados (2 da Guanabara, 2 da Santa Maria, 2 da Reunidas) e mais 5 desativados sem que houvesse pronta reposição (1 da Santa Maria, 1 da Cidade do Natal, 3 da Reunidas).

Acumulado

No último levantamento realizado no ano passado pelo UNIBUS RN, foi constatado que entre os anos de 2011 a 2016, 33 ônibus deixaram as garagens das empresas natalenses sem que houvesse reposição. Com as últimas 11 baixas contabilizadas nesse ano até a presente data, o acumulado de desfalques já chega a 44 ônibus, ou o equivalente a 6,18% de veículos a menos na frota ativa comparada ao total que Natal ofertava em 2011.

Por Flávio Dantas
Colaboração: Helckton Fernandes

Nenhum comentário:

Postar um comentário