quarta-feira, 6 de setembro de 2017

Ações da Marcopolo na Bovespa sobem, mesmo após incêndio

As ações da encarroçadora de ônibus Marcopolo na Bolsa de Valores de São Paulo – Bovespa fecharam nesta segunda-feira, 4 de setembro de 2017, em alta de 1,52% (Marcopolo PN) mesmo com a notícia do incêndio na unidade de plásticos Ana Rech, e Caxias do Sul,  no último domingo, 3.


Os números são do Boletim Ibovespa/Exame.

Por causa do incidente, as atividades das plantas Ana Rech e Planalto ficarão suspensas nesta semana.

As chamas, que rapidamente se alastraram por causa da quantidade de materiais inflamáveis, não atingiram a área de produção dos veículos, mas os componentes fabricados na unidade atingida são essenciais para a finalização das carrocerias.

Apesar da alta, o dia foi delicado para a Marcopolo no mercado financeiro.

No início das atividades da Bovespa, o Marcopolo PN chegou a registrar queda de 2,52%.

O quadro só foi revertido quando a empresa demonstrou transparência ao comunicar a imprensa e aos investidores sobre o prazo de suspensão das atividades para recuperação.

Apesar da boa reação do mercado, a companhia deve acompanhar com mais atenção o desempenho das ações nos próximos pregões.

A Marcopolo é a única encarroçadora de ônibus brasileira com ações no Ibovespa.

Diáriio do Transporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário