sábado, 16 de setembro de 2017

OAB cria comissão de mobilidade urbana em São Paulo

A mobilidade urbana está cada vez mais complexa e relacionada a diversos aspectos da sociedade, como as áreas ambientais, sociais e jurídicas.

Diversos agentes e instituições que antes se envolviam pouco no tema ou mesmo só acompanhavam de longe, hoje estão cientes de que pela mobilidade urbana se oferece qualidade de vida, crescimento econômico e justiça social.

Diante disso, a OAB – Ordem dos Advogados do Brasil, seção São Paulo, criou uma comissão para debater a mobilidade urbana.

Em nota, a OAB diz que vai discutir aspectos como acessibilidade e impactos ambientais.

A Comissão tem como objetivo proporcionar melhoria nas condições urbanas, nos serviços básicos, infraestrutura e equipamentos sociais através da redução das desigualdades e da promoção da inclusão social da população no que se refere à acessibilidade universal, à mobilidade urbana, ao desenvolvimento sustentável e a diminuição dos custos ambientais e socioeconômicos produzidos pelos  deslocamentos das pessoas e de cargas.

A comissão será presidida pelo advogado Mauricio Nalin dos Santos Ferro.

Diário do Transporte

Nenhum comentário:

Postar um comentário