sábado, 28 de outubro de 2017

Banco Mercedes tem 1ª operação do Refrota aprovada

O Banco Mercedes-Benz recebeu aprovação do Ministério das Cidades em sua primeira operação para financiar pelo Refrota, programa que tem como meta renovar em até 10 mil unidades a frota de ônibus urbanos e metropolitanos no Brasil. A instituição, a primeira financeira privada a operar com esta modalidade, fechou um contrato de R$ 8,5 milhões com a Viação Piracicabana, de Brasília, para a aquisição de 25 ônibus.

O Refrota, que foi lançado pelo governo em dezembro de 2016 (leia aqui) começou a ser oferecido pelo Banco Mercedes em agosto.

“A inclusão do Refrota em nosso portfólio é fundamental para garantir as melhores opções de negócios para nossos clientes. Este, com certeza, é o primeiro de muitos negócios”, afirma o diretor comercial, Diego Marin.

Para sustentar os financiamentos do Refrota, o governo destinou R$ 3 bilhões para o ano de 2017, proveniente da captação dos recursos do FGTS (Fundo de Garantia por Tempo de Serviço). Podem participar empresas do setor privado, que trabalham com transporte público coletivo urbano. O programa contempla veículos do sistema de transporte rodoviário do tipo micro-ônibus, miniônibus, midiônibus, ônibus básico, padron, articulado e biarticulado. De acordo com o Ministério das Cidades, hoje o sistema de transporte coletivo conta com 107 mil ônibus e mais de 30 milhões de usuários por dia.

Automotive Business

Nenhum comentário:

Postar um comentário