segunda-feira, 30 de outubro de 2017

Confederação Brasileira de Basketball recebe ônibus da Mercedes-Benz

A Confederação Brasileira de Basketball fez uma cesta de três pontos: o novo ônibus oficial a ser usado pelos atletas e comissões técnicas das diversas categorias da modalidade será um Mercedes-Benz, modelo rodoviário O 500 RS.

Foto: Divulgação

O modelo foi cedido em regime de comodato à entidade esportiva para uso até 31 de dezembro de 2019, num encontro realizado no Espaço Mercedes, na fábrica de São Bernardo do Campo, SP, nesta última quarta-feira (25 de outubro).

A Mercedes-Benz do Brasil entregou o veículo a Guy Peixoto, presidente da CBB, que estava acompanhado por atletas e diretores. A equipe da empresa que participou do evento foi liderada por Roberto Leoncini, vice-presidente de Vendas, Marketing e Peças & Serviços Caminhões e Ônibus da Mercedes-Benz do Brasil.

“Com o ônibus rodoviário Mercedes-Benz, os atletas da seleção brasileira de basquete terão alto padrão de qualidade, tecnologia, conforto e segurança durante os campeonatos na temporada”, diz Roberto Leoncini. “Além disso, os veículos da marca se destacam por seus motores econômicos e pelo reduzido custo operacional”.



CUSTOMIZAÇÃO E COMODIDADE:

A pintura do ônibus chama a atenção pelas cores verde e amarelo, e nas laterais se destacam a estrela da Mercedes-Benz e o escudo da CBB.

A carroçaria garante conforto e praticidade para os atletas e a comissões técnicas da CBB. Entre seus itens e equipamentos incluem-se ar condicionado, janelas com vidros colados, monitores LCD de TV com DVD, Wi-Fi, rádio, toalete e geladeira.

A configuração interior também engloba uma parede de separação entre o posto do motorista e o salão interno, poltronas semi-leito com descanso de pernas e cintos de segurança retráteis.

TECNOLOGIA, CONFORTO E SEGURANÇA DO CHASSI ‘O 500 RS’:

Com dois eixos, o chassi O 500 RS é indicado para o transporte rodoviário de passageiros em médias e longas distâncias. Permite a montagem de carroçarias de até 13,2 metros de comprimento (ou até 14 metros, sob consulta).

O motor OM 457 LA, de 12 litros de cilindrada, oferece potência de 354 cv a 2.000 rpm, com torque de 1.600 Nm a 1.100 rpm. O elevado torque se traduz em excelentes arrancadas e retomadas de velocidade e em agilidade nas ultrapassagens, resultando em velocidades médias elevadas.

A força e o excelente desempenho do veículo são frutos da combinação do motor com o câmbio automatizado Mercedes-Benz GO 240 de 8 marchas, que assegura maior elasticidade de marchas e um menor consumo de combustível. A alavanca do tipo joystick com auxilio pneumático faz da troca uma operação suave e simples, com conforto para o motorista.

A suspensão pneumática integral dos chassis Mercedes-Benz O 500, com bolsões de ar, amortecedores telescópicos e barras estabilizadoras na dianteira e traseira, é reconhecida no mercado como um diferencial da marca. Este sistema assegura um elevado padrão de estabilidade ao veículo, que fica constantemente nivelado em relação ao solo, oferecendo maior conforto e segurança para os passageiros.

Entre os itens de série do O 500 RS destacam-se o freio-motor Top Brake, limitador de velocidade, painel de instrumentos com diagnose “on board”, sensor de incêndio no compartimento do motor, conexão para extração de dados de telemetria (FMS), coluna de direção regulável, piloto automático, freio ABS+ASR e suspensão eletrônica ECAS com elevação e rebaixamento.

Diário do Transporte
Fotos: Divulgação

Nenhum comentário:

Postar um comentário