terça-feira, 9 de janeiro de 2018

DER-RN quer requalificar vias para reduzir engarrafamentos

Jorge Fraxe - Foto: Adriano Abreu
O Departamento de Estradas de Rodagem do Rio Grande do Norte é responsável por obras de infraestrutura viária que deverão influenciar, de forma positiva, na fluidez do trânsito em Natal e demais municípios da Região Metropolitana. Entre as intervenções mais relevantes realizadas pelo DER-RN, o diretor-geral do órgão, Jorge Fraxe, citou a duplicação da Av. Prudente de Morais – que passou a ligar o bairro de Petrópolis à BR-101 em Parnamirim.

“Essa obra está ajudando muito o escoamento do tráfego. É uma via importante de penetração, paralela à Av. Salgado Filho, que vai da BR-101 até, praticamente, à beira do mar”, observou Fraxe, adiantando que há outro projeto para a Prudente de Morais no cruzamento com a Av. da Integração, em Candelária. “A proposta é fazer o 'mergulho' no cruzamento da Prudente com a Integração, mas ainda estamos na dependência da liberação de recursos por parte do Ministério do Turismo. Quando aquele cruzamento for eliminado, o índice de mobilidade urbana naquela área vai melhorar muito”, acredita.

Fraxe também ressaltou a conclusão do anel viário que facilitará o acesso ao Aeroporto Internacional Governador Aluízio Alves, em São Gonçalo do Amarante. Ele disse que “até o final de janeiro” o acesso sul estará liberado para o tráfego. “Está faltando, basicamente, concluir a concretagem da ponte por sobre o Rio Potengi que temos nesse trajeto”. 

À princípio, o entroncamento do acesso sul do aeroporto com a Reta Tabajara (BR-304) será provisório, pois ainda está prevista a construção de um viaduto para eliminar o retorno com semáforo que será instalado no local. A duplicação desse trecho da BR-304, na altura de Macaíba, está à cargo do Departamento Nacional de Infraestrutura de Transportes (DNIT).

Capilarização de vias

O DER-RN também é responsável pela readequação da Av. Eng. Roberto Freire, cujo projeto original foi descartado. A nova proposta, que será bem mais enxuta, deve poupar a área do Parque das Dunas e incluir as ruas paralelas que cruzam o bairro de Capim Macio. As intervenções na via, principal acesso ao bairro de Ponta Negra e praias do litoral Sul, serão reelaboradas com participação da Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), e de entidades civis como associação de ciclistas, transporte público, comerciantes e pedestres. “O novo projeto é mais amplo, e integra, além das vias em Capim Macio, as avenidas das Alagoas e a Ayrton Senna. O que precisa ser feito é capilarizar as vias, valorizar todas as opções para o tráfego”, informou Jorge Fraxe.

As obras do Pró-Transporte, que se arrastam há pelo menos 10 anos, foi reiniciada, e a meta do DER-RN é cumprir a “Meta 1” nos próximos 120 dias “trabalhados” que consiste em concluir o acesso à Ponte Newton Navarro do lado da Redinha, e o trecho da Av. Moema Tinoco.

Para Jorge Fraxe, os congestionamentos em Natal serão reduzidos a partir de duas frentes: a primeira é adotar uma gestão cuidadosa do sistema viário da cidade (à cargo da STTU), e a segunda a melhoria do serviço de transporte público. “O natalense tem que superar a imagem de que ônibus é para pobre. Em cidades modernas, os carros ficam guardados em casa para passear no fim de semana. Para isso acontecer por aqui, é preciso oferecer um sistema confortável, seguro e confiável. Esse paradigma precisa ser quebrado”, sentencia.

Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário