segunda-feira, 5 de fevereiro de 2018

Governo adia para 1º de julho o prazo para emissão da CNH digital

Foto: Divulgação/Frota & Cia
O Ministério das Cidades anunciou ontem (30/jan) a extensão do prazo para a emissão da Carteira Nacional de Habilitação em formato digital (CNH-e). Ao invés de 1º de fevereiro, o documento poderá emitido pelo Detran de cada estado até o dia 1 de julho, desta vez em caráter irrevogável, garantiu o órgão. 

A decisão foi motivada pelo fato de menos da metade das cidades brasileiras não ter conseguido emitir o documento, que vai substituir a versão impressa. A Agência Nacional de Aviação Civil (Anac) também havia solicitado que a CNH-e pudesse ser adequada para utilização nos procedimentos de embarque em aeroportos.

Atualmente, apenas oito estados já adotaram o documento, além do Distrito Federal. São eles: Acre, Alagoas, Espírito Santo, Goiás, Mato Grosso do Sul, Roraima, Rio Grande do Sul e Tocantins.

A CNH-e poderá ser apresentada às autoridades de trânsito através do próprio celular ou tablet e valerá como documento oficial. A consulta é feita por meio de um aplicativo gratuito disponível para Android e iOS.

Frota & Cia

Nenhum comentário:

Postar um comentário