terça-feira, 6 de março de 2018

Prefeitura do Rio quer cobrar preços de passagens diferentes para ônibus com e sem ar-condicionado

A Prefeitura do Rio de Janeiro quer cobrar valores diferentes das passagens de ônibus com e sem ar-condicionado. A proposta foi feita pelo prefeito Marcelo Crivella, na tentativa de resolver o impasse sobre o valor da tarifa com as empresas de transporte.

Foto: Reprodução/TV Globo


O prefeito aceitaria um reajuste para os ônibus com ar-condicionado regulado pelo Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA). Os veículos sem ar-condicionado permaneceriam sem aumento. Atualmente, a tarifa custa R$ 3,60.

Sobe e desce da tarifa

O preço das passagens de ônibus é alvo de uma disputa judicial há pelo menos um ano no Rio. No início de 2017, a passagem custava R$ 3,80. Por determinação judicial, a tarifa baixou para R$ 3,60 em agosto e, em novembro, para R$ 3,40.

Em 5 de fevereiro deste ano, o preço da passagem retornou a R$ 3,60. Três dias depois, uma nova liminar determinava a queda do valor da passagem em R$ 0,20.

Mas esta decisão foi suspensa antes mesmo de começar a ser cumprida quando, no fim de fevereiro, a Justiça suspendeu a liminar. A tarifa, então, permaneceu em R$ 3,60.

G1 RJ

Nenhum comentário:

Postar um comentário