sábado, 26 de maio de 2018

Empresas de ônibus investem em programas de responsabilidade socioambiental e beneficiam sociedade, funcionários e meio ambiente

Lançando em 2017, o Programa Preservar, da empresa Urbi Mobilidade Urbana, tem alcançado o objetivo de reduzir a emissão de poluentes por meio da economia de combustível. Com técnicas de direção verde, os motoristas conseguiram economizar, em um ano de projeto, 160 mil litros de óleo diesel; mais de 440 toneladas de CO2 deixaram de ser lançadas na atmosfera.

Como forma de reconhecer os motoristas exemplares, a empresa realiza sorteios de prêmios para os profissionais. A premiação acontece a cada três meses e se dá por meio da entrega de cartões no valor de R$ 600 para os 20 motoristas com melhor desempenho. Ao todo já foram entregues 55 mil reais em prêmios.

Para participar dos sorteios, os motoristas devem alcançar duas metas. Uma é coletiva e a outra é individual. Na primeira, todos os condutores devem trabalhar juntos para classificar o terminal de origem. Essa etapa varia de acordo com a tecnologia dos ônibus (articulado, convencional e micro), bem como com as características dos percursos das linhas, ou seja, se têm muitos obstáculos, como quebra-molas e semáforos, ou se o veículo tem um bom desempenho na via. Essas informações são usadas para formar a meta de consumo de diesel por quilômetro rodado. Os motoristas que contribuem para bater essa meta são classificados para o objetivo individual.

Na etapa individual, os condutores iniciam com um escore de 100 pontos. Dessa pontuação são deduzidos pontos de acordo com as ocorrências constantes na ficha do motorista. Entre as ocorrências que levam à perda de pontos estão os acidentes, faltas ao trabalho, infrações de trânsito e reclamações dos usuários. A pontuação final mínima para a participação do sorteio é de 80 pontos. Para o diretor de transporte da Urbi, Miguel Pricinote, o programa tem tido resultados positivos e cada vez mais adesão por parte dos funcionários. “No início houve certa desconfiança e poucos motoristas atingiram a meta. Para reverter o quadro, investimos em uma comunicação forte, fazíamos muitas ações itinerantes nos terminais e, aos poucos, fomos conquistando o interesse dos colaboradores. Hoje em dia o engajamento é nítido, agora são eles que nos procuram sobre o Preservar”, destaca. Para homenagear os melhores motoristas desse primeiro ano do Programa Preservar, a Urbi plotou um ônibus especial com a foto de 82 motoristas que atingiram a meta em todas as etapas do programa.

Fonte: NTU

Nenhum comentário:

Postar um comentário