terça-feira, 29 de maio de 2018

Motoristas fecham parcialmente ponte de Igapó e protestam em Natal

Motoristas de Uber e moticiclistas realizam um ato na tarde desta segunda-feira (28) nas principais avenidas de Natal. De acordo com informações da Polícia Rodoviária Federal (PRF) e Secretaria Municipal de Mobilidade Urbana (STTU), os condutores fecharam parcialmente a Ponte de Igapó e se encaminham para a Ponte Newton Navarro.

Foto: Alex Régis/Tribuna do Norte

Motociclistas se juntaram à manifestação e se encaminharam para a Ponte de Igapó para realizar a interdição de uma das faixas ao lado de caminhoneiros. As categorias protestam contra a carga tributária dos combustíveis.

Durante toda a movimentação, manifestantes exibiram bandeiras do Brasil e mostrando faixas de apoio aos caminhoneiros, os protestantes pedem "Fora, Temer", enquanto o hino nacional e da independência é tocado repetidas vezes no carro de som.

Nas calçadas e passarela do Midway, as pessoas observam o protesto. Um grupo presta apoio e aplaude recorrentemente as intervenções nos microfones. No carro de som, um dos coordenadores pede apoio ao ato. "Os consumidores também pagarão pelo preço da gasolina. Isso aqui é por vocês e contra o governo corrupto", afirmou um dos líderes.

"Diante dos pronunciamentos feitos pelo presidente da república, nós estamos vendo que eles só vão dar atenção ao óleo diesel. E como vai ficar a gasolina, o etanol e o GNV? São produtos que nós usamos. Então, por essa falta de respeito nos mobilizamos para chamar a sociedade para lutar contra os preços", declarou Anízio Barbosa, da Cooperativa dos Profissionais Motoristas de Aplicativo.

Foto: Adriano Abreu/Tribuna do Norte

Um grupo de motoboys se uniram aos motoristas quando o protesto atingiu a altura do Midway Mall. A expectativa é que cerca de 500 automóveis participem no ato.

Tribuna do Norte

Nenhum comentário:

Postar um comentário