quinta-feira, 27 de setembro de 2018

Rodas quadradas? O carro autônomo mais esquisito que você já viu

créditos: Divulgação
A primeira impressão é estranha, principalmente pelo formato das rodas. Mas a ideia da montadora francesa Renault é que veículos autônomos como o da foto acima realizem entregas na sua casa ou no seu escritório – e em um futuro não tão distante. O veículo EZ-Pro foi anunciado nesta quarta-feira (19) no Salão do Automóvel de Hannover (Alemanha), e apresentado como um novo “conceito de veículo autônomo, conectado e elétrico”.

Quanto ao formato das rodas, trata-se de um detalhe do design: a Renault explica que o veículo foi desenhado como uma caixa - ou melhor, inspirado num truck food -, por isso as rodas quadradas. Na verdade, as rodas (redondas) ficam envoltas por carenagens concebidas em linhas retas, por trás das quais vão os sensores de direção, radar e câmeras.

Por mais que o carro não precise de um motorista, o EZ-Pro terá espaço para um “concierge humano”, responsável por supervisionar a entrega de bens e serviços e a frota. A aposta da montadora é que o funcionário responsável pela tarefa, uma vez livre da obrigação de dirigir, poderá garantir um serviço eficiente e personalizado, com entregas premium de mantimentos ou objetos frágeis.

Os carros também poderão ser acoplados uns aos outros – o que permitirá a personalização para atender às necessidades específicas de cada cliente.

As entregas feitas pelo EZ-Pro poderão ser rastreadas em tempo real pelos consumidores pelo celular.

Para a montadora, os serviços de entrega representam uma das "maiores oportunidades de disrupção". Isso graças ao avanço do comércio eletrônico e da exigência dos consumidores em receberem entregas praticamente imediatas. Segundo a Bloomberg, o veículo deve chegar às estradas por volta de 2030.

Imagem: Divulgação

Para o vice-presidente sênior do Groupe Renault Corporate Design, Laurens van den Acker, o veículo criará oportunidades para profissionais e facilitará serviços para usuários diretos e indiretos. "Com o EZ-PRO, continuamos nosso trabalho exploratório em torno da mobilidade urbana compartilhada do futuro", afirmou, em comunicado.

Mobilize Brasil

Nenhum comentário:

Postar um comentário