Header Ads

Aplicativos de transporte aumentaram trânsito de São Francisco em 25%

Um estudo da Autoridade de Transportes do Condado de São Francisco, nos Estados Unidos, colocou parte da culpa sobre o aumento no trânsito da cidade nos aplicativos de transporte. De acordo com as informações da organização, a proliferação de veículos a serviço da Uber ou Lyft, por exemplo, foi responsável por um crescimento de 25% nos congestionamentos e de 51% nos atrasos em trajetos feitos de carro.

Foto: Sergio Ruiz/Flickr

Os números foram computados entre 2010 e 2016 a partir de dados de GPS, colocados tanto nos carros de aplicativos quanto em veículos oficiais, de transporte coletivo e sistemas de monitoramento de rodovias e vias públicas. A conclusão é que as pessoas estão andando mais de carro, com um aumento de 47% na distância trafegada, mas em uma velocidade 55% menor por conta do trânsito.

Entretanto, os aplicativos de transporte não foram os únicos responsáveis por esse aumento. As autoridades de São Francisco dividiram a culpa entre os softwares e o aumento populacional, além da ampla oferta de empregos e a criação de novas empresas na cidade, que, como todos sabem, abriga o Vale do Silício e é a meca da inovação não apenas nos EUA, mas em todo o mundo. Isso atrai muita gente, que precisa ir de um lado para o outro, daí o crescimento no tráfego.

Isso também faz com que os números sejam bastante diferentes de um distrito para o outro. No famoso bairro do South Market, por exemplo, o tráfego aumentou 45% por conta da mistura de pontos turísticos com empresas de tecnologia e centros de convenções, enquanto em South Brach e Embarcadero, locais muito visitados pelos viajantes, esse crescimento foi de impressionantes 73%.

Os resultados, entretanto, poderiam ser ainda mais precisos se os pesquisadores também tivessem acesso às informações de empresas de frete como FedEx e UPS, além de serviços de entrega de comida. Ainda assim, para as autoridades de trânsito, a pesquisa representa uma boa visão sobre o que exatamente está causando o aumento no tráfego em São Francisco, de forma que a prefeitura possa tomar as atitudes cabíveis.

Esse trabalho é todo da administração municipal, com a Autoridade de Transportes sendo apenas responsável por coletar dados e apresentá-los. Em comunicado oficial, a organização disse que nem mesmo vai sugerir mudanças, uma vez que há de se levar em conta, ainda, outras tendências ainda maiores, como o compartilhamento de bicicletas ou motos. São muitos modais funcionando ao mesmo tempo em São Francisco, afirma, e criar políticas que abracem todos eles não deve ser tarefa das mais fáceis.

Canaltech

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.