Header Ads

Credores aprovam plano de recuperação judicial da Comil

A encarroçadora de ônibus Comil, de Erechim, no Rio Grande do Sul, informou na tarde desta quinta-feira, 25 de abril de 2019, que hoje, em assembleia geral, os credores aprovaram o plano de recuperação judicial da empresa.

Foto: Ilustração

Segundo a fabricante, 60% dos credores deram o aval para a homologação do plano pela Segunda Vara de Cível de Erechim, onde corre o processo.

A fabricante de carrocerias de ônibus iniciou o processo de recuperação judicial em 2016, quando as dívidas eram de R$ 430 milhões.

A Comil informou ainda que já destinou R$ 4,8 milhões em pagamentos de antecipações aos credores trabalhistas. Estas antecipações, como infirmou o Diário do Transporte, foram autorizadas definitivamente pela justiça em dezembro do ano passado.

A empresa informou também que registrou crescimento de 29% em 2018, com destaque para o segmento de ônibus rodoviários e intermunicipais, que registrou alta de 45%, índice superior à média do mercado no ano, que foi de 26%. Os dados, de acordo com a nota, são da Fabus, associação que reúne as encarroçadoras de ônibus no País.

Desde 2016, a Comil contratou 280 funcionários, sendo cerca de 100 recontratações de mão de obra que havia sido desligada, segundo comunicado.

Neste período, os lançamentos de novas linhas de modelos, como o ônibus Invictus  DD (dois andares)  e o HD (salão dos passageiros acima do nível do motorista, com bagageiros maiores) também foram destacados pela fabricante.

Diário do Transporte

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.