Header Ads

Internacional: Ônibus a gás natural dá a largada no Transmilenio

As primeiras 140 unidades do chassis Scania movidas a gás natural já estão em operação pelas vias do sistema Transmilenio, da capital colombiana Bogotá. Os veículos estão em operação na concessão Norte, sob a tutela da SI18, trazendo uma avançada tecnologia de ponta na redução das emissões poluentes (motorização Euro VI).


Ao todo, 741 ônibus movidos a gás natural da Scania entrarão em operação no sistema, entre articulados e biarticulados. Os primeiros veículos possuem 18 metros de comprimento e carroçarias da marca Busscar de Colômbia. De acordo com a Transmilenio, com a chegada desses novos ônibus, equipados com propulsores alternativos ao diesel, Bogotá se posiciona entre as cinco cidades do mundo com uma frota de ônibus com tecnologia limpa de tração operada em corredores de BRT (Trânsito Rápido de Ônibus). Além disso, o sistema de abastecimento de combustível dos novos veículos será o maior da América Latina.

Com uma mobilidade coletiva realizada exclusivamente pelos ônibus, Bogotá é um exemplo na busca por soluções de transporte com baixo ou nenhum impacto negativo ao ambiente. Com os motores a gás natural Euro VI haverá uma redução de até 95% do material particulado emitido pela nova frota. Com certeza, a saúde pública local será favorecida.

Além do aspecto ambiental, os novos ônibus serão responsáveis pela modernização da frota do sistema, ampliando a capacidade de transporte por meio da operação de mais veículos biarticulados.


As carroçarias produzidas pela Busscar de Colômbia (481 no total) são das versões articulada (18 metros de comprimento e chassi K310) e biarticulada (27 metros de comprimento e chassi F340HA), trazendo toda a expertise da fabricante colombiana no desenvolvimento de ônibus urbanos.

Além de Bogotá, a Scania também forneceu no mercado americano os seus chassis com propulsores a gás natural para Cartagena (Colômbia) e Puebla (México).

Imagens - Busscar de Colômbia
Revista Autobus

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.