Header Ads

STTU diz que semáforos foram implantados para preservar vidas de pedestres

Ao defender a implantação dos novos semáforos na capital, a secretária de mobilidade urbana de Natal, Elequicina Santos, usou como argumento a equiparação de acidentes registrados entre pedestres e motociclistas. Segundo ela, os registros estariam quase iguais, o que levou a STTU a aumentar a quantidade dos equipamentos, implantando novos na Hermes da Fonseca e na Salgado Filho, perto da Igreja Universal.


De acordo com a secretária, que deu entrevista a rádio 98 FM nesta quarta-feira, 11, o fato de um pedestre correr risco de vida já justifica a instalação de um semáforo na região. Ela insistiu, durante toda a sabatina, que todos esses sinais são devidamente sincronizados e que os engarrafamentos na cidade registrados nesta quarta-feira sempre existiram.

Um dos semáforos que mais provocou reclamações nas redes sociais ao longo do dia fica a poucos metros de outros dois, no cruzamento da Hermes da Fonseca com a rua Joaquim Fagundes e no retorno que dá acesso da Hermes da Fonseca para a avenida Alberto Maranhão.

No local onde está sendo instalado o equipamento, há uma parada de ônibus no sentido zona Sul, além de uma padaria e um estacionamento. A STTU não informou se o semáforo será acionado somente por meio do botão do pedestre que deseja fazer a travessia ou se terá algum tipo de sincronização aos demais já existentes no trecho.

Quando perguntada sobre o alto número de multas de trânsito que estão sendo aplicadas, a secretária defendeu as decisões dos fiscais e negou que exista uma “indústria da multa” em Natal. Para ela, há sim uma “indústria” de erros de motoristas, que insistem em desrespeitar as leis de trânsito. “Nós vemos pelas câmaras que as pessoas continuam usando celular como sempre, nada mudou”, completou.

Fonte: Agora RN

Nenhum comentário

Tecnologia do Blogger.